Como aumentar a taxa de conversão de vendas dentro do seu e-commerce

O e-commerce vem crescendo de forma exponencial em todo mundo, se tornando uma das principais ferramentas de vendas para os mais variados tipos de negócios. Ainda este ano, há uma previsão de crescimento de 26% no Brasil, atingindo um faturamento de R$ 110 bilhões, mantendo a força do setor e indicando uma consolidação das lojas e dos marketplaces, segundo expectativa da Ebit|Nielsen. No entanto, uma pesquisa realizada pela Experian Hitwise, apontou que a taxa de conversão brasileira média, de quem entra nos sites e acaba comprando algo, é de apenas 1,65%

Pensando nisso, é importante ter estratégias bem definidas para aumentar esse potencial de vendas e gerar ainda mais negócios, a chamada conversão de vendas, quando o consumidor entra no seu site, pesquisa todas as informações do produto e fecha a compra. Para ajudar a aumentar as suas vendas, separamos algumas dicas que merecem atenção. 

Uma das mais importantes é ter um site responsivo. Ou seja, que faça alteração do layout e se adapte ao tamanho das telas em que estiver sendo exibido, como as telas de celulares e tablets. Suas vantagens derivam da adaptação a qualquer ferramenta que os usuários estejam usando, para facilitar a sua visualização. E, pensando nos dias atuais, em que as pessoas passam mais tempo conectadas via smartphone do que em computadores tradicionais, não dá para não pensar nisso, né? 

Outra dica importante é criar o recurso de lista de desejos, permitindo que o usuário deixe memorizados os produtos em que tem interesse e não precise navegar por todo o site novamente quando quiser adquirir algum deles. Com uma simples ferramenta, as suas chances de conversão de vendas aumentam e muito.

CTA com visual e texto atraentes. O Call to Action pode ser um conteúdo a ser baixado, um formulário para ser preenchido, um botão de teste, ou mesmo a própria compra. Teste diferentes designs e tons de linguagem para descobrir qual conversa melhor com seu público.

Chat em tempo real. Podem surgir dúvidas durante a compra, e ter alguém para responder de forma rápida e prática proporciona respostas imediatas aos clientes sobre as dúvidas mais comuns, dando agilidade ao processo. Além disso, você também pode usar essa função para sugerir ofertas personalizadas a partir de dados armazenados sobre as preferências do usuário.

Transparência em relação ao valor. O cliente quer saber o valor de seu produto ou serviço para decidir se vai adquiri-lo. Não deixar essa informação clara significa perder oportunidades de negócio.

Avaliação de produtos. A opinião de outros clientes sobre um determinado item ajuda a influenciar a escolha. Vale lembrar que as avaliações negativas são tão importantes quanto as positivas, então modere somente avaliações que não tenham informações relevantes para os clientes.

Cuidado com ferramentas que possam interromper o usuário, como uso de banners, pop-ups, formulários e chatbots. O uso desses artifícios de maneira excessiva pode cansar o consumidor e afastá-lo das compras. Se você usa alguns desses recursos, verifique se eles estão localizados de forma natural e cumprem com o seu objetivo sem “interromper” demais o processo do visitante, focando sempre no real propósito: a conversão.

Não existe fórmula pronta para aumentar a conversão, mas acreditamos que, com essas dicas básicas, entendendo seu cliente e oferecendo uma experiência de compra positiva, você vai sentir a diferença nas vendas do seu e-commerce!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu